App SUPERCASA - Descobre a tua nova casa
App SUPERCASA
Descobre a tua nova casa
Abrir
Notícias
Categorias
Comprar Casa

Comprar casa: Finalidades e tipologias de crédito habitação

29 MARÇO 2022
Tópicos
Bancos Mercado Imobiliário Compra de Imóveis Comprar Casa em Portugal Portugal Crédito Habitação
Antes de pensar em comprar casa com recurso a um crédito habitação, é importante esclarecer o conceito, a finalidade e as várias tipologias desta solução. Assim, apresentamos um conjunto de perguntas frequentes e as devidas respostas sobre o tema.
Ao considerar adquirir uma casa com recurso ao crédito à habitação, normalmente, ocorrem diversas dúvidas e preocupações, desde contactar entidades financeiras, compreender o processo, organizar a documentação necessária, e, posteriormente, escolher a melhor proposta bancária. Neste sentido, apresentamos um conjunto de perguntas frequentes sobre esta solução.

O que é um crédito habitação?
O crédito à habitação consiste num empréstimo bancário estabelecido por um prazo previamente definido, utilizado para a aquisição de terrenos para construção ou habitação própria permanente, secundária ou para arrendamento. Tem, portanto, como principal função o financiamento da compra da casa.
Note que, como tem um prazo alargado, as prestações são mais baixas do que noutros créditos.

Relativamente às modalidades de reembolso, estas podem ser realizada em: prestações constantes (a prestação mensal é praticamente igual ao longo do empréstimo), carência de capital (apenas são pagos os juros do empréstimo habitação, fazendo com que a prestação reduza) e diferimento de capital (adiar o reembolso de uma parte do capital em dívida para o final do crédito).

Quais as suas finalidades?
  • Habitação Própria Permanente: Imóvel adquirido com o intuito de se viver um longo período de tempo. Por isso, é fundamental que fatores como acessibilidade ou  proximidade de escolas, hospitais, serviços e comércio estejam presentes na sua escolha final.
  • Habitação Própria Secundária: Nesta opção incluí-se os imóveis de uso ocasional (férias, épocas festivas) que não são para arrendar.
  • Habitação para Investimento: Este tipo de imóveis são adquiridos com o propósito de arrendamento. Dado o objetivo de fazer do imóvel uma fonte de rendimento, usualmente os proprietários procuram maioritariamente centros urbanos, zonas turísticas e de proximidade a universidades, pois é onde o mercado de arrendamento são mais dinâmicos e rentáveis.

Que tipos de crédito habitação existem?
1. Aquisição: Destina-se ao financiamento de imóveis novos ou de habitações usadas que não necessitem de extensas obras de remodelação;

2. Transferência: Se percebeu que a proposta de outro banco possibilita poupar na prestação ou ter condições mais favoráveis (ex: redução de taxas de juro ou do spread) pode transferir o crédito habitação;

3. Construção: Indicado para financiar os custos de construção de um novo imóvel. Inicialmente as prestações são menores, pagando-se apenas os juros;

4. Terreno e Construção: Adicionalmente ao financiamento dos custos da construção da casa, esta tipologia engloba também o valor de aquisição do respetivo terreno;

5. Obras: Aplica-se ao financiamento de obras de remodelação de uma casa que já se detenha ou de uma habitação futura, funcionando de forma similar ao crédito para construção.

Veja mais notícias relacionadas com o tema:

Tópicos
Bancos Mercado Imobiliário Compra de Imóveis Comprar Casa em Portugal Portugal Crédito Habitação
Notícias mais lidas
Queres receber as últimas Super Notícias?
pixel pixel