App SUPERCASA - Descobre a tua nova casa
App SUPERCASA
Descobre a tua nova casa
Abrir
App SUPERCASA - Descobre a tua nova casa
App SUPERCASA
Descobre a tua nova casa
Abrir
Notícias do Mercado Imobiliário
Categorias
Imobiliário

O que é o ESG e como aplicá-lo na sua imobiliária

28 NOVEMBRO 2023
Tópicos
Imóveis Mercado Imobiliário Casas Sustentáveis Certificação Energética Empreendimentos Sustentabilidade
O ESG avalia o desempenho e sustentabilidade das empresas, sendo uma ferramenta essencial para se destacar da concorrência e atrair novos clientes.
O que é o ESG e como aplicá-lo na sua imobiliária
Fonte: Freepik
Autor: Redação

Existe, atualmente, um maior compromisso por parte das empresas com o futuro, que investem cada vez mais em medidas que visam o bem-estar dos seus colaboradores, das comunidades em que se inserem e a proteção do planeta.

Foi neste contexto que surgiu o Environmental, Social, and Corporate Governance (ESG) que em português, pode ser traduzido para práticas ambientais, sociais e de boa governança das empresas. Este é um conjunto de pilares criado pelo Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU) em parceria com o Banco Mundial, relacionado com os 17 objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS) da ONU, cujo objetivo é avaliar o desempenho e sustentabilidade das empresas, nomeadamente na área do meio ambiente, relações sociais e transparência das suas práticas.

Quais são os Pilares ESG?

A implementação de boas práticas ambientais tem vindo a aumentar ao longo dos anos, devido, sobretudo, a catástrofes naturais e pandemias, que tornaram evidente para as empresas que a sustentabilidade financeira está dependente da sustentabilidade ambiental e social.

Como tal, são cada vez mais as empresas a desenvolver programas com base nas práticas ESG, nomeadamente:

    • Ambiente – maior cuidado com as emissões de carbono e eficiência energética, utilização de energias renováveis, conservação dos recursos naturais e diminuição da poluição e resíduos;

    • Social – desenvolvimento de melhores condições de trabalho e relações laborais, políticas que assegurem a diversidade, assim como investimentos responsáveis e segurança;

    • Governança – práticas de combate à corrupção, ética no negócio e políticas empresariais justas.

Como funciona o ESG no mercado imobiliário

O ESG pode ter um impacto significativo no setor imobiliário através da promoção da sustentabilidade e implementação de práticas positivas, num cenário onde a procura de empreendimentos com certificados ambientais tem aumentado, assim como a preferência por agências imobiliárias que demonstrem essa preocupação.

Para implementar práticas ESG na sua agência pode:

    • Angariar projetos sustentáveis, com práticas de construção ecológica e tecnologias eficientes em termos energéticos;
    • Apoiar projetos sociais locais;
    • Promover a diversidade e inclusão dentro da empresa;
    • Estabelecer políticas e diretrizes que promovam a transparência dos seus negócios;
    • Criar um canal de denúncias seguro;
    • Criar comunicação sobre os esforços da sua agência para implementar práticas sustentáveis.

Existem também várias certificações que o podem auxiliar a avaliar o desempenho de um imóvel. Conhecê-las pode ser uma vantagem que o vai fazer destacar-se da concorrência, aumentando o sucesso e a reputação da agência imobiliária.

Adotar abordagens voltadas para a sustentabilidade ambiental, social e de governança é uma mais valia para os seus negócios, pois irá criar um fator diferenciador que vai atrair investidores e corresponder às expectativas elevadas dos clientes, para além de contribuir para um futuro mais sustentável e responsável.

Tópicos
Imóveis Mercado Imobiliário Casas Sustentáveis Certificação Energética Empreendimentos Sustentabilidade
Notícias mais lidas
Casas para recuperar: dê vida a um imóvel
Viver em Lamego: o que há para lá das Beiras?
Vila Nova de Milfontes: um guia para viver nesta localidade
Imóveis à venda em Torres Vedras: viva a alegria do Carnaval
Queres receber as últimas Super Notícias?
pixel pixel