App SUPERCASA - Descobre a tua nova casa
App SUPERCASA
Descobre a tua nova casa
Abrir
App SUPERCASA - Descobre a tua nova casa
App SUPERCASA
Descobre a tua nova casa
Abrir
Notícias do Mercado Imobiliário
Categorias
Imobiliário

Retrofit: o que é e como usar nos meus imóveis?

5 DEZEMBRO 2023
Tópicos
Imóveis Acessibilidade Arquitetura Casas Modernas Compra de Imóveis Custos de Construção Imobiliárias Investimento Imobiliário Projetos Imobiliários Reabilitação Urbana Registo Predial Obras Públicas Glossário
Conheça a nova tendência da reabilitação de edifícios antigos que permite a modernização de espaços, mantendo o património histórico das grandes cidades.
Retrofit: o que é e como usar nos meus imóveis?
Fonte: Freepik
Autor: Redação

Nas grandes cidades tem vindo a surgir um grande problema relacionado com a falta de espaço para construir novas infraestruturas, que afeta o crescimento das mesmas e afasta os cidadãos dos grandes centros urbanos. É neste contexto que surge o conceito Retrofit, uma solução que permite a reabilitação de imóveis existentes para fins residenciais e comerciais.

Esta alternativa surgiu inicialmente na Europa, mas tem vindo a popularizar-se em todo o mundo como um processo de revitalização que aumenta a vida útil dos imóveis, preservando a sua forma.

O que é o Retrofit e para que é utilizado?

O Retrofit surgiu como a solução para a ausência de espaço para novas construções, resolução de obstáculos em estruturas ultrapassadas ou em condições inadequadas, realizando melhorias ao imóvel enquanto se mantém preservada a história e estrutura do edifício.

Este processo é especialmente benéfico para patrimónios cuja legislação não permite que a estrutura arquitetónica seja substituída ou modificada, tornando, assim, possível realizar uma restauração sustentável que adapte a estrutura de acordo com as novas tecnologias e sem perder os elementos originais.

Como tal, o Retrofit pode ser utilizado em edifícios e em equipamentos, através, por exemplo, da instalação de ar condicionado, instalações elétricas, hidráulicas ou sanitárias ultrapassadas ou em mau estado, e proteção contra incêndios.

Quais são as principais vantagens?

O processo de reabilitação Retrofit permite manter o património histórico e conjugá-lo com a sustentabilidade, inovação e conservação das grandes áreas urbanas. Para além disso, este processo permite a valorização de património no mercado imobiliário, através da modernização das instalações, cumprindo sempre as normas e regras de segurança.

O Retrofit é também uma solução que pode reduzir os custos de manutenção do imóvel, uma vez que os elementos estruturais se mantêm os mesmos, sendo apenas necessário fazer uma restauração dos mesmos e não uma nova construção. Este processo prolonga também a vida útil dos imóveis, resolvendo os problemas estruturais que possam existir e, assim, tornar a propriedade mais atrativa e com maior valor no mercado imobiliário.

Como aplicar o Retrofit nos seus imóveis?

Para aplicar este processo de restauração de imóveis, deve sempre optar por recorrer a profissionais especializados na área, como arquitetos ou engenheiros, que consigam melhor compreender o que pode ser feito a nível estrutural e tecnológico no edifício.

Deve sempre ter o cuidado de reduzir os impactos da obra, analisando as medidas de intervenção de forma estruturada e planeada.

Ao iniciar o processo, estas são algumas das etapas que devem ser cuidadosamente ponderadas:
    • Impactos da obra;
    • Desenvolvimento do projeto;
    • Planeamento da obra;
    • Criação de processos de demolição controlada, monitorizando a estrutura do edifício;
    • Adaptação dos sistemas elétricos, sanitários e hidráulicos;
    • Acabamentos e revestimentos;
    • Fachada e paisagismo.

Esta é uma tendência que deve crescer exponencialmente ao longo dos anos, sendo uma solução cada vez mais valorizada pelo mercado imobiliário, em especial, nos grandes centros urbanos, devido à necessidade de revitalizar as cidades e reaproveitar os espaços existentes.

Tópicos
Imóveis Acessibilidade Arquitetura Casas Modernas Compra de Imóveis Custos de Construção Imobiliárias Investimento Imobiliário Projetos Imobiliários Reabilitação Urbana Registo Predial Obras Públicas Glossário
Notícias mais lidas
Casas para recuperar: dê vida a um imóvel
Viver em Lamego: o que há para lá das Beiras?
Vila Nova de Milfontes: um guia para viver nesta localidade
Imóveis à venda em Torres Vedras: viva a alegria do Carnaval
Queres receber as últimas Super Notícias?
pixel pixel