App SUPERCASA - Descobre a tua nova casa
App SUPERCASA
Descobre a tua nova casa
Abrir

2 Prédios em Valença, Viana do Castelo

Recebe novos imóveis por email
Guardar pesquisa
MillenniumBCP_B
AppSupercasa
Descobre qual o preço de mercado para um imóvel nesta zona
Mostrar preço

Prédio em Valença, Cristelo Covo e Arão, Valença

2.435.000 €
24 quartos 853 m² Terreno 1.077 m² C.E.: D
Trata-se de um conjunto de 4 imóveis (4 artigos) com a possibilidade de se interligarem entre si, sendo uma grande mais valia pois permite formar um conjunto monumental de localização única, como património dentro de património (Fortaleza/ Praça-Forte).  Fantástica oportunidade, pois o Caminho de Santiago, passa por dentro deste potencial complexo hoteleiro! Total de quartos: 24 Total de instalações sanitárias: 20 Logradouros: 3 Para visualizar mais fotografias de cada um dos imóveis, por favor consulte as seguintes referências: 3706B, 3706C e 3706D Adquirir este conjunto de imóveis é investir em História, cultura e beleza. Trata-se de património dentro do património que é a Praça Forte de Valença, classificada como Monumento Nacional desde 1910 e, presentemente, candidata a Património da Humanidade pala UNESCO. ---- ----- A) Descrição da Casa da Gaviarra: Área total do terreno: 698,2 m2 Soma das áreas brutas privativas: 703 m2 Área útil de pavimento: 312,75 m2 (apenas da casa-mãe) Era uma vez uma mansão, onde a Memória e a História andavam de mãos dadas. Um lugar especial, onde sonhos e fábulas se encontram, jogando às escondidas por jardins secretos junto a um rio. Palacete, de linhas muito elegantes bem ao gosto neoclássico, de localização, beleza e elegância privilegiadas, mandado construir no Século XIX, pelo Barão da Urgeira, para casa de morada da sua filha mais velha. Situada dentro das muralhas, na linha da frente para o Rio Minho, a sua veiga e de olhos postos na Catedral de Tui na vizinha Espanha.  Ao lado do palacete localiza-se a mais antiga porta das muralhas de Valença, a Porta da Gaviarra, por onde os caminheiros encerram o Caminho Português de Santiago. Corresponde a um conjunto de 2 Artigos Urbanos: a ’casa-mãe’ (palacete) e outro edifício (’anexo’), desabitado, e adossado ao palacete, a precisar de obras. Presentemente, não tem passagem directa para a ’casa-mãe’, sendo muito fácil fazê-la. Pode, no entanto, ter acesso direto ao jardim maior mesmo não estando ligado à ’casa-mãe’. Um palacete bem ao gosto da época. Edificado em alvenaria de pedra, cujas paredes exteriores, originais da casa, são em granito com grande espessura. Tem guardas de ferro nas sacadas das varandas, ricamente trabalhadas. Os cunhais, socos, cornijas e  molduras dos vãos são em granito aparelhado a pico fino. Composto de rés-do-chão e dois pisos, o palacete dispõe de um total de 7 quartos, distribuídos pelos 3 pisos, dos quais 5 são ensuite. Um dos quartos fica no rés-do-chão (’quarto do motorista), com casa de banho própria, 2 quartos (ensuite) no primeiro andar e, 4 quartos no segundo andar (sótão). Quanto a casas de banho, possui um total de 6, sendo que, uma é lavabo. Não possui aquecimento central. O palacete é, ainda, dotado de encantadoras e requintadas sala de jantar e sala de estar, garagem, vários arrumos, um salão no rés-do-chão, biblioteca, cozinha e românticos jardins. Obras realizadas e decoração ’casa-mãe’ (palacete): Na segunda metade do Séc XX, sofreu uma importante obra de remodelação: estrutura de pilares, vigas e lages incluindo a estrutura da cobertura . Todas as janelas de sacada são novas, em madeira de câmbala, de alta qualidade, com grossa secção e vidros duplos. Colocadas em 2018.  Nas salas tem pavimento de soalho, em tábua corrida, e nos quartos, alcatifa . A maior parte das divisões foram forradas, muito recentemente, a papel de parede de grande qualidade e requinte (Versace, Laura Ashley, Elitis, e a famosa Thibaut). O papel de parede que reveste as paredes e o tecto da sala, do segundo andar, é em toile de Jouy, de fabrico françês, e representa uma festa do Século XVIII, em Chantilly. A sala de estar tem uma lareira encimada por uma grande pedra de granito  com uma cabeça de anjo esculpida e dos lados  motivos vegetalistas adornam a cara do anjo. Esta pedra foi retirada do piso térreo (junto à garagem) onde servia de padieira de uma porta. A lareira da sala de jantar é em mármore, adquirida em França, e está forrada com três chapas de ferro fundido representando putti e motivos vegetalistas. O Terraço tem pavimento em mosaico hidráulico, fabricado artesanalmente, com desenho inspirado no palácio italiano do filme ’ O Leopardo’ de Luchino Visconti.  O exterior: Possui dois jardins, um mais pequeno junto ao terraço com várias japoneiras, um rododendro e duas magnólias. O segundo jardim tem um muro alto ao longo do caminho de ronda da Gaviarra, parte da antiga muralha desta praça forte. Adornado de grande número de japoneiras, algumas das quais bastante raras. Tem, ainda, um raro exemplar de uma roseira ’Bela Portuguesa’ criada por um botânico françês no Século XIX que vivia em Lisboa onde aí dirigia o Jardim botânico.  ---- ----- B) Descrição da casa adossada (’anexo’) ao palacete: Compõe-se de rés-do-chão e dois pisos, dispondo de 5 quartos ensuite, distribuídos pelos vários pisos. Possui, ainda, ao nível do rés-do-chão, uma copa e uma sala. O telhado tem estrutura de betão e encontra-se em bom estado. Tem infraestrutura de aquecimento central a necessitar de ser revista (convectores eléctricos). Este imóvel esteve arrendado, durante muitos anos, às Pousadas de Portugal, pelo que, presentemente, o seu interior encontra-se bastante descaracterizado e a necessitar de obras. ---- ----- C) Descrição da Casa do Arco: Historicamente conhecida como ’Casa do Arco da Gaviarra ’, ou também, por ’Casa da Feitoria’. Um imóvel lindíssimo, com claras pré-existências medievais na zona do arco, que se abre para permitir a passagem da nobre Travessa da Gaviarra. Ao longo dos tempos sofreu sucessivos acrescentos e transformações, sendo que a linguagem arquitectónica mais evidente é do Século XIX. Possui 10 quartos, e as varias divisões distribuem-se por 2 pisos, da seguinte forma: Piso térreo (R/C): Lado esquerdo (entrada directa independente): 1 quarto (ensuite), uma sala, uma cozinha, uma despensa. Lado direito (entrada directa independente): um lavabo com sanita, um compartimento apenas com sanita, uma copa/kitchenette, um salão. Piso de cima: Lado esquerdo (entrada directa independente): 2 quartos com lavabo e sanita, um quarto ensuite com banheira (cuja casa de banho também tem acesso comum), um quarto normal, uma casa de banho completa para usufruto comum, uma despensa. Lado direito: 2 quartos com lavabo e sanita, um quarto ensuite com polibain (cuja casa de banho também tem acesso comum), dois quartos normais, uma casa de banho completa, com banheira, para usufruto comum, uma casa de banho completa com polibain, para usufruto comum, uma despensa. Tema particularidade de poder funcionar como apenas uma ou quatro casas independentes. Desfruta, ainda, de um jardim murado com 124 m2, algo raro numa construção dentro de uma vila fortificada. Nos anos 70 e inícios dos anos 80, do século XX, sofreu uma importante campanha de reabilitação, pela mão do Arqt. Alberto da Silva Bessa, à época diretor dos Edifícios e Monumentos Nacionais no Porto, que a dotou de estrutura em betão armado e placa entre pisos. O telhado precisa de ser revisto (possui a estrutura em madeira). Não possui infraestrutura de aquecimento central. Encontra-se dentro da histórica vila muralhada de Valença do Minho e possui vistas privilegiadas. Uma excelente oportunidade de investimento na área do alojamento, do turismo e restauração, podendo tornar-se numa propriedade ímpar de luxo e requinte. ---- ----- D) Descrição da Casa do Hospital: Uma pequena casa, localizada no Largo Visconde de Guaratiba, descaracterizada por dentro e a precisar de obras. Comumente chamada da Casa do Hospital por se encontrar mesmo em frente ao antigo hospital da Vila, hoje, Santa Casa da Misericórdia. Trata-se de um encantador edifício para reconstrução, também localizado no interior da Fortaleza de Valença. Composta por dois pisos. No piso superior exime 2 quartos e uma casa de banho completa. O R/C tem a possibilidade de poder comunicar com a Casa do Arco pelo jardim. O telhado precisa de ser renovado (possui a estrutura em madeira). Exposição solar: Norte (traseiras) e Sul (frente). ---- ----- A Muralha de Valença: Trata-se de uma jóia da arquitetura militar (candidata a Património Mundial pela UNESCO), com 5,5 km de extensão. Os imóveis encontram-se na parte mais antiga da muralha, ou seja, no núcleo inicial do burgo, bem de frente Para o Rio Minho, para a emblemática Ponte Eiffel e monumental cidade de Tui, na Galiza. Na parte Norte da fortaleza.  Toda a muralha de Valença foi dos primeiros monumentos do país a ser classificado (logo em 1910) como Monumento Nacional. Toda a vila intramuros está classificada. Toda a zona intra muralha já possui toda a infraestrutura moderna de tv e internet por cabo, gás natural, electricidade e saneamento, um co-projecto de requalificação urbana executado por Eduardo Souto de Moura. ---- ----- Valença do Minho: Para além da sua beleza natural e património cultural, encontra-se numa localização geográfica urbana estratégica. Por se encontrar no centro de sete cidades com mais de 100 mil habitantes, Valença é considerada, por especialistas em urbanismo de Portugal e Espanha, uma das ’Cidades Potenciais’ do noroeste da Península. Com quatro aeroportos internacionais próximos e servida por auto-estrada para todas as cidades, Valença é ainda uma estação importante da linha ferroviária Porto-Vigo, bem como local de passagem da projectada linha de alta-velocidade. ---- ----- Distâncias (por autoestrada com portagens): Aeroporto de Internacional de Vigo: 29min (28,3 km) Aeroporto de Internacional de Santiago de Compostela: 1h29min (126 km) Aeroporto de Internacional da Corunha: 1h58min (181 km) Aeroporto de Internacional do Porto: 1h14min (115 km) ---- ----- O Caminho de Santiago: Antes de entrar em Espanha, e ao lado desta casa, encerra o Caminho Português de Santiago pelas, Portas da Gaviarra.  São as mais antigas portas de toda a muralha que se vêem da casa. E Património Cultural Europeu desde 1987 e Património da Humanidade no troço francês e espanhol. O interesse neste caminho vem num enorme crescimento e é hoje mais procurado por turistas e caminheiros do que por devotos a Santiago.  ---- ----- Atracções: Vila Nova de Cerveira: 22min (17,4 km) Caminha: 36min (29,9 km) Ponte de Lima: 32min (39,4 km) Moledo do Minho (praias): 39min (33,5 km) Viana do Castelo: 51min (66,6 km) Serra de Arga: 1h (39,7 km) ---- ----- Outras informações relevantes: Lista das cidades com mais de 100 mil habitantes no centro das quais Valença se encontra:    - Vigo, cuja área metropolitana conta 480 mil habitantes, possui um aeroporto internacional e o maior porto atlântico de Espanha, encontra-se a 35 km de Valença.   - Pontevedra, cuja área metropolitana conta 168 mil habitantes, encontra-se a 55 km de Valença.   - Braga, que é a terceira maior cidade de Portugal com cerca de 200 mil habitantes (apenas cidade), encontra-se a 70 km de Valença.   - Ourense, com 105 mil habitantes (apenas cidade), encontra-se a 100 km de Valença.   - Santiago de Compostela, célebre pela sua catedral e de enorme importância turística, conta com um aeroporto internacional e quase 200 mil habitantes na sua área metropolitana; encontra-se a 115 km de Valença.   - Porto, segunda maior cidade portuguesa, a sua área metropolitana acolhe 1,7 milhões de habitantes, é servida por um aeroporto internacional e encontra-se a 119 km de Valença.    - Corunha, com mais de 400 mil habitantes na sua área metropolitana, um aeroporto internacional e um importante porto; encontra-se a 180 km. #ref:3706A
Contactar
Excluir
Guardar
Editar nota
Apagar
Cancelar
Guardar
Prédio em Valença, Cristelo Covo e Arão, Valença

Prédio em Valença, Cristelo Covo e Arão, Valença

475.000 €
408 m² Terreno 328 m² C.E.: Propriedade isenta
Historicamente conhecida como ’Casa do Arco da Gaviarra ’, ou também, por ’Casa da Feitoria’. Um imóvel lindíssimo, com claras pré-existências medievais na zona do arco, que se abre para permitir a passagem da nobre Travessa da Gaviarra. Ao longo dos tempos sofreu sucessivos acrescentos e transformações, sendo que a linguagem arquitectónica mais evidente é do Século XIX. Trata-se de um imóvel classificado, portanto, isento de IMI. Possui 10 quartos, e as varias divisões distribuem-se por 2 pisos, da seguinte forma: Piso térreo (R/C): Lado esquerdo (entrada directa independente): 1 quarto (ensuite), uma sala, uma cozinha, uma despensa. Lado direito (entrada directa independente): um lavabo com sanita, um compartimento apenas com sanita, uma copa/kitchenette, um salão. Piso de cima: Lado esquerdo (entrada directa independente): 2 quartos com lavabo e sanita, um quarto ensuite com banheira (cuja casa de banho também tem acesso comum), um quarto normal, uma casa de banho completa para usufruto comum, uma despensa. Lado direito: 2 quartos com lavabo e sanita, um quarto ensuite com polibain (cuja casa de banho também tem acesso comum), dois quartos normais, uma casa de banho completa, com banheira, para usufruto comum, uma casa de banho completa com polibain, para usufruto comum, uma despensa. Tema particularidade de poder funcionar como apenas uma ou quatro casas independentes. Desfruta, ainda, de um jardim murado com 124 m2, algo raro numa construção dentro de uma vila fortificada. Nos anos 70 e inícios dos anos 80, do século XX, sofreu uma importante campanha de reabilitação, pela mão do Arqt. Alberto da Silva Bessa, à época diretor dos Edifícios e Monumentos Nacionais no Porto, que a dotou de estrutura em betão armado e placa entre pisos. O telhado precisa de ser revisto (possui a estrutura em madeira). Não possui infraestrutura de aquecimento central. Encontra-se dentro da histórica vila muralhada de Valença do Minho e possui vistas privilegiadas. Uma excelente oportunidade de investimento na área do alojamento, do turismo e restauração, podendo tornar-se numa propriedade ímpar de luxo e requinte. --- --- O Caminho de Santiago: Antes de entrar em Espanha, e ao lado desta casa, encerra o Caminho Português de Santiago pelas, Portas da Gaviarra.  São as mais antigas portas de toda a muralha que se vêem da casa. E Património Cultural Europeu desde 1987 e Património da Humanidade no troço francês e espanhol. O interesse neste caminho vem num enorme crescimento e é hoje mais procurado por turistas e caminheiros do que por devotos a Santiago.  Adquirir este imóvel é investir em História, cultura e beleza. Trata-se de património dentro do património que é a Praça Forte de Valença, classificada como Monumento Nacional desde 1910 e, presentemente, candidata a Património da Humanidade pala UNESCO. --- --- Distâncias (por autoestrada com portagens): Aeroporto de Internacional de Vigo: 29min (28,3 km) Aeroporto de Internacional de Santiago de Compostela: 1h29min (126 km) Aeroporto de Internacional da Corunha: 1h58min (181 km) Aeroporto de Internacional do Porto: 1h14min (115 km) --- --- Atracções: Vila Nova de Cerveira: 22min (17,4 km) Caminha: 36min (29,9 km) Ponte de Lima: 32min (39,4 km) Moledo do Minho (praias): 39min (33,5 km) Viana do Castelo: 51min (66,6 km) Serra de Arga: 1h (39,7 km) --- --- Outras informações relevantes: Lista das cidades com mais de 100 mil habitantes no centro das quais Valença se encontra:    - Vigo, cuja área metropolitana conta 480 mil habitantes, possui um aeroporto internacional e o maior porto atlântico de Espanha, encontra-se a 35 km de Valença.   - Pontevedra, cuja área metropolitana conta 168 mil habitantes, encontra-se a 55 km de Valença.   - Braga, que é a terceira maior cidade de Portugal com cerca de 200 mil habitantes (apenas cidade), encontra-se a 70 km de Valença.   - Ourense, com 105 mil habitantes (apenas cidade), encontra-se a 100 km de Valença.   - Santiago de Compostela, célebre pela sua catedral e de enorme importância turística, conta com um aeroporto internacional e quase 200 mil habitantes na sua área metropolitana; encontra-se a 115 km de Valença.   - Porto, segunda maior cidade portuguesa, a sua área metropolitana acolhe 1,7 milhões de habitantes, é servida por um aeroporto internacional e encontra-se a 119 km de Valença.    - Corunha, com mais de 400 mil habitantes na sua área metropolitana, um aeroporto internacional e um importante porto; encontra-se a 180 km. --- --- NOTA: Este imóvel poderá ser vendido, também, juntamente com outros 3, tornando possível a interligação entre os 4, sendo uma grande mais valia pois permite formar um conjunto monumental de localização única, como património dentro de património (Fortaleza/ Praça-Forte). Espreite a nossa REF_3706A. #ref:3706C
Contactar
Excluir
Guardar
Editar nota
Apagar
Cancelar
Guardar
Prédio em Valença, Cristelo Covo e Arão, Valença
Procuras um profissional imobiliário?
Ver todas as imobiliárias em Valença
pixel pixel